Demo image Demo image Demo image Demo image Demo image Demo image Demo image Demo image

J.R Duran, Mistura Hispano-Brasileira que deu certo.

  • sábado, 30 de abril de 2011
  • Nayara Silva Campos
  • Fotógrafo brasileiro nascido na Espanha,Josep Ruaix Duran começou a trabalhar para agências de publicidade como DPZ,McCann, Thompson, Talent para clientes como Johnson & Johnson,General Motors, Volkswagen, Souza Cruz, British American Tobaccoe outros a partir de 1979.

    J.R Duran é um nome bastante conhecido no universo fotográfico, famoso por fotografar celebridades e por promover campanhas como Intelig, cigarro Charm, cerveja Kaiser, Embratel, Telesp, Banco do Brasil, cigarro Free, Antarctica, Martini, Motorola, Lojas Riachuelo,Credicard, Hering, Banco Real, Banco do Brasil, Banco Itaú,Telefonica, Sadia, McCafé é um dos nomes mais indicados ao se procurar qualidade fotográfica.

    Aqui vai alguns trabalhos do artista que se mostra bastante irreverente assim como sofisticado a preparar suas imagens,esses trabalhos se referem as ultimas imagens registradas por J.R Duran atualmente, Cleo Pires para revista Joyce Pascowitch e Rodrigo Faro para a revista Poder.


    Fotografia Publicitária

  • domingo, 24 de abril de 2011
  • Ernane

  • Quanto às imagens publicitárias, dividimos em dois grupos, as fotografias publicitárias que comentam sobre novos produtos, orientando sobre sua função, indicando onde e como usar, onde comprar, quanto pagar, informando os diferentes fabricantes e fornecedores no comércio de varejo, ou seja, quem fabrica, quem vende e quanto pode custar.

    Chamo esse tipo de imagem, de publicidade pedagógica, lembrando que sua função enquanto imagem é parte integrante de estrutura da mídia impressa, que tanto informa quanto induz ao consumo. Sua informação diversificada está associada à diversidade do público leitor da revista, que é diverso na condição social, no poder de consumo e na possibilidade de aquisição dos diferentes produtos informados, devido ao descompasso entre a circulação da mídia e a distribuição das marcas anunciadas em todo o território nacional, e é construída também para oferecer variedade de combinação de produto acompanhada de variedade de preço.

    O fazer fotográfico da imagem publicitária, tem todo um projeto estético de cenógrafo, onde não se separa o captador da imagem do dramaturgo que simula a cena. Esta função congrega domínio da espacialidade, uso de luz, sombra, perspectiva, movimento e construção de texto, que é cultural, e por tanto, tem que conter pontuações sociais, psicológicas, geográficas e afetivas.

    Uma fotografia publicitária deve conter uma dramatização completa, com personagens, cenário, e algumas vezes, até falas, sendo que tudo isso, deve reproduzir o sujeito olhado como gostaria de ser olhado ou o que gostaria que olhassem nele, e por tanto, como diz Barthes (1980) injetando nela qualidade moral ao jogo social. Ver-se a si mesmo na escala da história, é para ele, a maior qualidade da fotografia, e ai a fotografia de moda cumpre explendidamente seu papel enquanto imagem da cultura, por que reflete o anseio do indivíduo de inserção no conjunto social e no seio do grupo.



    Fonte: http://www.fashionbubbles.com/historia-da-moda/imagens-fotograficas-objeto-que-fala-na-fotografia-de-moda-parte-2/

    Jovem artista

  • domingo, 10 de abril de 2011
  • Daiane Cristina
  • Daniel Klajmic nasceu em 1976 no Rio de Janeiro, Brasil. Seu trabalho ja¡ foi publicado em diversos ta­tulos nacionais e internacionais, como: I.D., Big, Sunday Times, Visionaire, Vogue, Tattler and Elle. Aos 23 anos de idade fotografou sua primeira campanha internacional para a Max Factor. Em 2004 foi escolhido, juntamente com doze fotografos do mundo, como um Hasselblad Master alem de se tornar o mais jovem integrante com trabalhos no acervo da colecao Pirelli/Masp. Em 2006 participou da exposicao New Photographers em Cannes, com curadoria da Getty Images. Alem de moda e publicidade, seu trabalho de fotografia documental sobre o Rio de Janeiro ja¡ foi publicado internacionalmente assim como exposto em galerias brasileiras.



    Contato Daniel: contact@danielklajmic.com

    tel. +55 11 3063.4004

    r: Contato agente: Marcelo Schaffetel. +55 11 8114.1189



    Definição da Fotografia Publicitária

  • Ernane
  • Fotografia Publicitária Fotografia especialmente produzida para a difusão comercial de um produto, independente do suporte escolhido pelo anunciante, que tanto pode ser a mídia impressa - jornais, revistas, cartazes, out-doors, ou folhetos - quanto audiovisual, como multivisões e anúncios transmitidos pela televisão ou pelo cinema. Na fotografia publicitária, de modo geral, a concepção prévia da imagem é esboçada pelo diretor de arte da agência que detém a conta do cliente em questão e a tomada da foto é respaldada na atuação de um produtor que reúne o material necessário, podendo inclusive chegar a organizar pessoalmente os elementos constitutivos da composição. Nestes casos, estes profissionais podem ser legitimamente considerados como parceiros do fotógrafo na realização da fotografia final.

    Abaixo temos um fotografia dirigida e trabalha, para a campanha de divulgação da pós graduação da faculdade Pitagoras.

    Exposição Valie Export: Corpo = Linguagem

  • segunda-feira, 4 de abril de 2011
  • Nayara Silva Campos

  • Berta Sichel a curadora da exposição e consultora de arte internacional, pesquisadora, escritora e professora especializada em arte e cultura contemporânea e em arte e mídia é curadora de audiovisual do Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofia, de Madri. Edita e escreve publicações sobre arte em fundações e instituições cultura e coleções de arte privadas ou públicas, trabalhando, ainda, como consultora para novas aquisições e exibições está em bh para um novo projeto em sua carreira a exposição valie export na fundação clóvis Salgado do dia 6 de abril a 1 de maio.

    A exposição conta com varias fotografias Body Configurations, com quatro imagens, e Left Overs, com oito, além de seis vídeos que revelam sua produção pioneira no campo da videoperformance. "A trajetória de VALIE EXPORT se confunde com as principais manifestações dos movimentos da contra-cultura nas décadas de 1960 e 70 e é um marco histórico no contexto da arte contemporânea que trata das questões do corpo, performance e feminismo", comenta Berta.

    Segundo a curadora a exposição retomara o trabalho Syntagama, de 1983 considerado o mais importante de sua carreira http://www.virtual-circuit.org/art_cinema/Export/Export/Syntagma.html


    O PPHOTOUNIVERSO INFORMA:
    EXPOSIÇÃO
    VALIE EXPORT: Corpo=linguagem
    Curadoria de Berta Sichel
    Abertura: 5 de abril de 2011, para convidados, às 20h
    Abertura para o público: 6 de abril a 1º de maio de 2011
    De terça a sábado das 9h30 às 21h, domingo das 16h às 21h

    Centro de Arte Contemporânea e Fotografia
    Av. Afonso Pena, 737
    Fone: 31. 3236-7400
    www.palaciodasartes.com.br

    MOSTRA DE FILMES
    Action Art International. Documents on International Actionism, de VALIE EXPORT (l989, 73 min.)
    A exibição seguida de debate com a curadora Berta Sichel e a artista VALIE EXPORT

    6 de abril de 2011 (quarta-feira) às 19h30
    Palácio das Artes - Cine Humberto Mauro
    Av.Afonso Pena, 1537
    Fone: 31. 3237-7399
    www.palaciodasartes.com.br

    (c) Copyright 2010 photouniverso. Blogger template by Bloggermint